Com camisa azul e gol de pênalti, Vila Nova vence o Criciúma

Jogando no OBA, Tigre chega ao quinto jogo sem perder e abre seis pontos para o Z4

Postado em: 04-10-2022 às 21h56
Por: Maiara Dal Bosco
Estreando a 3ª camisa, azul, em homenagem à Seleção brasileira, Tigre venceu por 1 a 0 | Foto: Roberto Corrêa/Vila Nova FC

Em noite de estreia de sua terceira camisa, de cor azul em homenagem à Seleção Brasileira em ano de Copa do Mundo, o Vila Nova chegou ao quinto jogo consecutivo sem perder na Série B nesta terça-feira (04). Jogando diante do Criciúma, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), o Tigre venceu por 1 a 0 com gol de pênalti, marcado por Arthur Rezende, aos 41 minutos do 2º tempo. Com o resultado, o Vila Nova subiu para a 14ª posição, com 41 pontos e abriu seis pontos para a primeira equipe na zona de rebaixamento para a Série C, o Operário-PR. A vitória também deixou o Tigre mais próximo de concretizar a permanência na Série B em 2023.

O Jogo

O Criciúma teve a primeira chance de gol aos sete minutos da etapa inicial, com Lohan, que recebeu a bola na entrada da área vilanovense e mandou por cima do gol. Aos 15, Marcos Serrato arriscou para os visitantes e também mandou a bola por cima do gol de Tony. Aos 22, foi a vez de Hélder ter boa chance de abrir o placar para o Criciúma, mas Tony fez a defesa para o Tigre. Aos 27, Neto Pessoa quase marcou para o Vila Nova após bloquear bola que seria recuada para o goleiro do Criciúma. Aos 45, Dentinho arriscou de dentro da área e Gustavo fez a defesa para os visitantes.

Continua após a publicidade

Na etapa complementar, a primeira boa chance para o Tigre veio com Dentinho, aos 17 minutos. Ele arriscou de longe e Gustavo defendeu para salvar o Criciúma. Aos 20, Wagner arriscou para o Tigre, mas, de muito longe, mandou para longe da meta catarinense. Aos 33, Dentinho chegou com perigo e arriscou, para mais uma boa defesa de Gustavo. Na sequência, Matheuzinho, após receber passe de Hugo Cabral, é derrubado. O árbitro marcou pênalti no lance, mas voltou atrás após a assistente sinalizar impedimento. Quatro minutos depois, após análise no VAR (Árbitro de Vídeo), que constatou que não houve impedimento na jogada, a penalidade foi confirmada para o Tigre. Aos 41, Arthur Rezende cobrou no alto e marcou o gol da vitória colorada. Aos 44, Caio Dantas ainda tentou igualar para o Criciúma, mas mandou a bola por cima do gol vilanovense. Aos 51, Matheuzinho quase ampliou para o Vila Nova, mas Gustavo fez a defesa para os visitantes.

Próximos jogos

O Vila Nova volta a entrar em campo no próximo sábado (8), às 19h. O Tigre enfrenta a Ponte Preta no Moisés Lucarelli. Na sequência, o Colorado recebe o Cruzeiro, na sexta-feira (14), no OBA. Já o Criciúma, joga na próxima sexta-feira (07), às 19h, diante do Náutico, em casa. Na sequência, a equipe catarinense enfrenta o Ituano, no sábado (15), também no Heriberto Hülse. (Especial para O Hoje)

Ficha Técnica:
Vila Nova 1×0 Criciúma

Data: 04 de Outubro de 2022
Horário: 19h
Local: Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), em Goiânia (GO)

Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Mauricio Coelho Silva Penna (RS) e Barbara Roberta da Costa Loiola (FIFA) (PA)
VAR: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)

Gol: Arthur Rezende – Vila Nova (2T) – Pênalti

Vila Nova: Tony; Alex Silva (Railan), Rafael Donato, Alisson Cassiano, Willian Formiga (Jefferson); Sousa, Arthur Rezende, Wagner (Matheuzinho); Dentinho, Kaio Nunes (Hugo Cabral), e Neto Pessoa (Daniel Amorim).
Técnico: Allan Aal

Criciúma: Gustavo; Cristovam, Rodrigo, Rayan, Marcos Serrato (Fernando Viana), Hélder (Marcelo Hermes); Arilson (Rômulo), Fellipe Mateus, Thiago Alagoano (Ítalo); Hygor e Lohan (Caio Dantas).
Técnico: Cláudio Tencati.

Veja Também