Esporte

Fora de casa, Goianésia derrota arquirrival Jaraguá e entra no G4

Postado em: 07-04-2021 às 17h45
Com gols de Édipo e Léo Carvalho, o Goianésia bateu o Jaraguá por 2 a 1, no Amintas de Freitas | Foto: Reprodução/FGF Tv

Breno Modesto

O Goianésia segue sendo um visitante indigesto no Amintas de Freitas. Neste quarta-feira (7), o Azulão conquistou sua quarta vitória em quatro jogos no estádio do seu arquirrival Jaraguá. Com gols de Édipo e Léo Carvalho, o time comandado por Ariel Mamede venceu por 2 a 1. O gol do Gavião foi marcado pelo volante Bosco, contra.

Com o resultado, as equipes trocam de posição na tabela. O Goianésia vai a nove pontos e entra no G4. O Jaraguá, com sete, cai para quinto.

O jogo

O sétimo clássico do Vale do São Patrício começou a mil. Com apenas dois minutos de jogo, o Jaraguá teve a primeira grande oportunidade. Depois de uma cobrança de falta de Luiz Fernando, Ramon se antecipou ao goleiro Artur e raspou de cabeça. A bola, caprichosamente, “beijou” o pé da trave do Goianésia. 

Depois do susto, o Azulão passou a ter o domínio da posse de bola, mas não conseguia transformar o volume de jogo em chances de gol. Tanto que foi o Gavião quem teve mais uma oportunidade de tirar o zero do placar. Aos 19, depois de um cruzamento afastado pelo arqueiro azul, o lateral Igor Meneghel, de fora da área, arriscou. Porém, a bola subiu e passou por cima do travessão.

Quatro minutos depois, os visitantes tentaram da mesma maneira. De fora da área, Fábio Leite tentou surpreender André Luís. Mas, assim como no chute do Gavião, a bola passou por cima.

Na etapa final, o Goianésia voltou mais disposto. Aos sete, Édipo invadiu a área e chutou cruzado. A bola até balançou a rede do Jaraguá, mas foi pelo lado de fora. De tanto insistir, o camisa 19 do Azulão do Vale finalmente marcou. Na marca de 12 minutos, Bosco serviu o atacante, que encheu o pé. O goleiro André Luís até tentou, mas não conseguiu segurar a bola, que morreu no fundo do gol.

Após o gol, o Goianésia seguiu na sua blitz e quase marcou o segundo. Depois de um lindo passe de Édipo, o meia Andrezinho, dentro da área, tentou cobrir André Luís, que teve de se esticar todo para evitar o segundo. Aos 25, depois de um escanteio cobrado por Bruno Leite, Anderson Sobral cabeceou e viu a bola explodir no travessão do Jaraguá.

O Jaraguá conseguiu chegar ao empate na marca de 31 minutos. Bosco recuou para o goleiro Artur, que se atrapalhou todo e deixou a bola entrar em sua própria meta. Mas o Azulão do Vale não se abateu e buscou a virada. Depois de um lançamento de Léo Carvalho, Ygor invadiu a área e foi derrubado por André Luís. O árbitro Osimar Moreira não hesitou e marcou a penalidade. Na cobrança, Léo Carvalho converteu e deixou o Azulão em vantagem novamente.

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar