Volante e atacante são dispensados antes do fim da Série B; veja a trajetória dos atletas no clube

A diretoria do Goiás encaminhou na tarde desta quinta-feira (11), as rescisões dos dois primeiros jogadores que deixam o clube e não

Postado em: 11-11-2021 às 18h44
Por: Victor Pimenta
Pratas-da-casa, dupla esmeraldina subiu para o time principal em 2019, na campanha da Série A | foto: Rosiron Rodrigues / Goiás EC

A diretoria do Goiás encaminhou na tarde desta quinta-feira (11), as rescisões dos dois primeiros jogadores que deixam o clube e não atuam mais com a camisa esmeraldina neste final de Série B e já buscam outro clube visando a temporada 2022. Os jogadores em questão tratam-se do volante Breno e do atacante Vinicius Lopes, ambos provenientes da base esmeraldina.

Breno

Prata-da-casa, o volante natural de Santana (BA) tem apenas 21 anos e já mostra muito potencial após sua passagem pelo time principal esmeraldino. O jogador chamou a atenção de Ney Franco, em 2019 no amistoso entre Goiás e Racing-URU e desde lá subiu para o elenco profissional então na disputa da Série A.

Continua após a publicidade

Logo sua qualidade chamou a atenção, se tornando titular da equipe esmeraldina na reta final da campanha de 2019. Além de volante, o jogador também atuou na lateral-direita, nas ausências de Yago Rocha e Daniel Guedes.

Na temporada de 2020, o jogador consolidou sua titularidade, sendo importante na Série A e dos trinta e oito jogos, foram vinte e nove, apenas dois entrando no decorrer do jogo. Homem de confiança de todos os treinadores que passaram pelo clube nesse período, Breno então virou titular absoluto da equipe também no início da temporada de 2021.

O jogador atuou em catorze partidas pelo Goiás na Série B de 2021, todas como titular, e deu uma assistência na vitória por 3 a 0 sobre o Avaí, ainda no primeiro turno. Seu contrato era até dezembro de 2021, e em junho já poderia assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe, mas ele preferiu esperar que o clube esmeraldino o procurasse. Com isso, o jogador começou a treinar separado com os demais atletas, não sendo mais relacionados para as partidas. Ele deixa a equipe com setenta e três partidas feitas pelo clube goiano.

O volante recebeu diversas sondagens do futebol nacional e internacional. Clubes dos Emirados Árabes e da Espanha buscaram saber do jogador. No Brasil, seu nome já foi ligado ao Santos e ao Flamengo, mas nada concreto ainda.

Vinicius Lopes

Outro cria da base esmeraldina, assim como Breno, Vinicius Lopes acumula títulos nas categorias Sub-17 e Sub-20 do Goiás, além de artilharias. O jogador de apenas 22 anos e natural de Monte do Carmo (TO), estreou no time principal também na Série A de 2019, no empate em 2 a 2 diante da Chapecoense, fora de casa. Na ocasião ele quase marcou em sua estreia.

Na temporada 2020, o atacante foi titular na campanha do Goianão em que se encerrou no início desse ano e iniciou como titular na disputa da Série A. Seu primeiro gol pelo Goiás foi na derrota para o Corinthians por 2 a 1, na sétima rodada e foi responsável pelo gol da vitória sobre o Internacional por 1 a 0, na Serrinha. Na ocasião, o time colorado era o líder da competição. Foram trinta e nove jogos, seis gols e quatro assistências na última temporada.

Com o início da temporada 2021 e passando por problemas financeiros, o Goiás pouco investiu em contratações e confiou no atacante Vinicius Lopes que não decepcionou. O jogador foi artilheiro do clube na campanha do Goianão, tendo feito cinco gols e dado três assistências. Ele encerra sua passagem pelo clube com sessenta e dois jogos, tendo feito gols e dado quatro assistências.

O jogador atuou em seis jogos na Série B e em junho também já poderia assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe, já que seu contrato com o Goiás se encerraria em dezembro. O atacante chegou a ter propostas do rival Atlético Goianiense, que não aconteceu. Na ocasião, somente o lateral-esquerdo Jefferson foi para o clube rubro-negro.

Veja Também