Goleiro conta com experiência para assumir titularidade no Vila Nova

O atleta tem experiência na terceira divisão, mas em 2019 atuou em apenas dois jogos pelo CSA, na Série A - Foto: Matheus Alves/Vila Nova

Postado em: 16-01-2020 às 16h25
Por: Raphael Bezerra
O atleta tem experiência na terceira divisão, mas em 2019 atuou em apenas dois jogos pelo CSA, na Série A - Foto: Matheus Alves/Vila Nova

Felipe André

Faltando cinco dias para a estreia no Campeonato Goiano, o
Vila Nova ainda procura uma base titular. O treinador Ariel Mamede durante os
treinamentos e no jogo-treino contra o Capital-DF testou algumas variações,
assim como contra o Brasiliense. O último jogo-treino antes da estreia diante
do Anápolis pelo Goianão, será contra o Real-DF, amanhã, no CT do Tigre.

Uma das dúvidas de Ariel é o seu goleiro titular. Cleriston,
um dos dois remanescentes do elenco do ano passado, recebeu a concorrência de
Wallace e de Fabrício, e o último saiu na frente na disputa. O atleta tem
experiência na terceira divisão, mas em 2019 atuou em apenas dois jogos pelo
CSA, na Série A.

Continua após a publicidade

“Acredito que a minha experiência e o fato de
ter jogado um pouco mais do que eles [Cleriston e Wallace] e até pela minha
idade, me credencia sim [como titular]. Nesta mescla de jogadores jovens e
experientes, a cobrança acaba vindo em cima dos experientes e tenho certeza de
que a idade faz com que a gente saiba absorver melhor”, afirmou Fabrício,
goleiro de 34 anos e 1,94m de estatura.  

Veja Também